7 da tarde e ainda não lavei os dentes

No dia da criança, a minha filha deu-me uma lição

Ontem assinalou-se o Dia Mundial da Criança. E diz a Declaração dos Direitos das Crianças que neste dia “todos somos crianças”. Ora, cá em casa isso já acontece todos os dias.
Na verdade, não gostamos de festejar datas impostas pelo calendário. Falamos com as miúdas sobre o significado do dia mas não fazemos questão de comprar presentes ou de fazer alguma coisa que não seja habitual.
No dia da mãe e no dia do pai há os presentes que elas fazem na escola e pronto. Ontem, receberam “de presente” umas braçadeiras para a piscina porque vão mesmo precisar delas agora nas férias…
Mas depois (e nisto da maternidade há sempre um “mas”) parece que me pesou na consciência e ao deitar perguntei à Maria Rita se gostava de ter recebido um presente pelo dia da criança. “Não, mãe, porque a carta dos direitos foi feita por causa dos meninos que sofriam na guerra e nem tinham tempo para brincar. Por isso, o mais importante é a amizade e a família”.
Confesso que fiquei emocionada com a resposta da miúda e disse-lhe que são dois presentes que não precisam de vir embrulhados. “Pois, e são coisas que eu já tenho”, rematou.

24 comentários em “No dia da criança, a minha filha deu-me uma lição

    1. Catarina Fernandes Raminhos Autor

      Ainda não tinha visto o nome da pessoa que comentou e já sabia que eras tu. Esse “PaPannn” é inconfundível 😉

  1. Angela César Dionísio

    Que doce! Parabéns, reflectida a educação que recebe numa resposta à “toma lá e embrulha”. Espero que a tua consciência tenha ficado tranquilizada. Bjs

  2. Tânia Fernandes

    Dão sempre uma resposta maravilhosa , eles muitas das vezes ensinam os adultos a viver num mundo onde tudo é igual e a felicidade , o amor , a união prevalece sempre ! ❤

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *