7 da tarde e ainda não lavei os dentes

Fui só ali a Londres borrar-me de medo e já voltei

Ideias do meu marido. Quando dei por mim estava em Londres a ser informada de que iria participar numa “experiência” relacionada com a ante-estreia mundial de um filme.
Tudo isto me pareceu bem: Londres, os dois, uma noite para dormir bem, ver um filme a sério (porque as últimas três idas ao cinema foram com as miúdas). Até que, a dada altura, percebi de que filme se tratava: “Anabelle 2: criação do mal”, um filme de terror que é coisa que nunca vejo porque tenho um medo do caraças e fico a sonhar com coisas.
Imaginem o meu pânico quando percebi que, ao lado do simpático bar onde estávamos com uma dúzia de pessoas vindas de todo o mundo, ficava a casa da Anabelle, onde teríamos de entrar para “fazer uma coisa”.

Juro que ia morrendo.

Quando chegou a nossa vez – fomos os dois porque eu disse que era incapaz de entrar sozinha – atravessámos um pátio com um palacete abandonado (de verdade) ao fundo. À frente, a aterrorizadora casa da Anabelle – mesmo como no filme! Fomos recebidos por um homem que estava de volta de um espantalho, com um machado na mão e um olhar aterrorizador. E essa foi a parte tranquila da coisa. Apanhei vários cagaços valentes, gritei como uma criança e ri-me muito (por causa dos nervos). Mas mais não digo porque em breve vão poder ver o vídeo e perceber como sou mariquinhas.
Recado para o meu rico marido: estás a dever-me um fim-de-semana como deve ser…
Obrigada à Nos Lusomundo Audiovisuais e à Warner Bros Portugal pelo convite!
Se tiverem coragem, espreitem o filme

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *