7 da tarde e ainda não lavei os dentes

Um SOS chamado água micelar

Já acontecia com as mais velhas e mantenho o ritual com a Maria Leonor: no saco de passeio há toalhitas para as mudas da fralda, mas na creche e em casa usamos compressas e água micelar para limpar o rabinho.

Mas cá em casa a água micelar tem muitas outras funções – é um verdadeiro SOS. Muito útil depois das sessões de maquilhagem da Maria Inês; depois de a Maria Leonor “tatuar” os braços com canetas de feltro ou quando a Maria Rita aparece com a cara cheia de pó ou de terra depois de ter andado a trepar às árvores.

E agora aproximem-se mais um pouco para eu vos contar um segredo: esta água micelar também já salvou a mãe na hora de tirar a maquilhagem e perceber que a sua água micelar tinha chegado ao fim!

“A minha primeira água micelar”, da Corine de Farme, é feita a partir de ingredientes de origem natural, sem parabenos, sem fenoxietanol, sem álcool e sem sabão.

Elimina as impurezas do rosto, do corpo e do rabinho do bebé, de uma forma suave graças ao extracto de calêndula – que tem propriedades calmantes e suavizantes.

Elas que se sujem – é tão bom sinal! – que a mãe sabe como tratar do resto 😉

[Conteúdo patrocinado]

4 comentários em “Um SOS chamado água micelar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *